Lavrando Pa
Pesquisa

Enigma da cor do vestido
Por Pedro Gonçalves (Aluno, 8º A), em 2015/03/02345 leram | 0 comentários | 92 gostam
Azul e preto ou branco e dourado?
Tudo começou, claro, com um vestido. A mãe da noiva escolhera-o para usar no casamento da sua filha e foi perguntar a opinião aos noivos Estes não conseguiram chegar a acordo sobre a cor: o vestido é azul e preto ou branco e dourado?
Uma fotografia do vestido foi postada no facebook e, depois, a internet fez o resto. A história cresceu e multiplicou-se nas redes sociais.


Por que vemos cores diferentes?
«De acordo com o site de tecnologia Wired.com, a chave para decifrar o enigma do vestido está na forma como os olhos e o cérebro evoluíram para ver cores na luz solar. Como os seres humanos evoluíram para ver a luz do dia, os seus cérebros começaram a levar em conta o facto de que a luz muda de cor. Os objetos têm um certo tom vermelho rosado de madrugada, mais azul-branco ao meio-dia, e voltam a ser mais avermelhados ao pôr do sol. O cérebro tenta descontar o efeito da luz do sol (ou outra fonte de luz) para chegar a uma cor "verdadeira".»
Portanto, algumas pessoas veem azul no vestido, mas “os seus cérebros acham” que a cor azulada se deve à fonte de luz, em vez de ao próprio vestido, por isso afirmam que veem branco e dourado. Os cérebros de outras pessoas atribuem o azul que veem ao próprio vestido.
A controvérsia sobre a cor real do vestido só terminou quando Emma Lynch, editora de fotografia da BBC, usou um software de edição de fotos, tendo concluído que todos os tons da cor do vestido são azuis e não brancos. Ao aumentar a saturação - tornando as cores existentes mais fortes, mas sem acrescentar novas cores - o vestido aparece azul para todos.
Finalmente, a dúvida ficou esclarecida e, assim, a senhora já sabe a cor do vestido que usará no casamento da filha.




Comentários

Escreva o seu Comentário