Lavrando Pa
Pesquisa

Tempestade
Por Rosalia Martins (Professora), em 2018/03/09100 leram | 0 comentários | 15 gostam
Cada aluno da minha turma, do 2.º ano, elaborou um pequeno texto descritivo sobre a imagem que foi proposta para o 4.º ano. Aqui vão três, de muitos, textos que eles fizeram...



  Num dia de tempestade

  Numa noite de terror, ouvia-se o barulho dos relâmpagos a "aterrar" no mar cinzento.
  As nuvens estão quase no limite de chover e o céu está escuro como uma nuvem carregada de chuva.
  Um trovão caiu numa ilha, no meio do mar, e um grande furacão levou tudo à sua frente.
  Foi um horror...

                                    Beatriz Santos


                    Um dia terrível na praia

  Na imagem, vejo uma praia, nuvens cinzentas e relâmpagos por todo o lado.
  O mar estava cheio.
  De repente, numa montanha caiu um trovão muito,muito forte.
  Em seguida, veio uma onda gigantesca e tapou a montanha toda. Era onda atrás de onda, relâmpago atrás de relâmpago.
  As rochas desapareceram uma a uma e surgiram buracos entre as nuvens cinzentas.
  O tempo parecia estar a melhorar, mas não estava!
  Mas pior do que tudo isto, era a praia a afundar e nunca mais voltar!

                                              Vasco Rodrigues



                   A trovoada que atingiu o mar

 Vejo uma tempestade muito assustadora e com muitos relâmpagos.
 O céu estava escuro e atingia o mar.
 Era aterrador e muito perigoso.
 As ondas estavam descontroladas. Eram muito fortes e as nuvens deixavam cair chuva para o mar.
 O mar ficou a chorar e as ondas ficaram irritadas.

                                              Daniel Pinto


Comentários

Escreva o seu Comentário